Exames gratuitos ajudam combater a osteoporose no Mato Grosso do Sul





No mês de outubro, os idosos de Mato Grosso do Sul podem contar com exames gratuitos de densitometria óssea que serão doados pelo Centro Radiológico de Campo Grande. A ação é realizada em comemoração ao Dia do Idoso (01) e acontece durante todos os sábados deste mês.

Segundo explicou o diretor clínico do Centro, Paulo Milton Rodrigues, densitometria óssea é um exame de radiologia que mede, com rapidez e precisão, a densidade dos ossos e é importante para diagnosticar quadros de osteoporose, uma doença que acomete grande parcela da população idosa e que diminui a quantidade de minerais nos ossos, aumentando o risco de fraturas.

Os objetivos do exame são avaliar o grau de osteoporose no idoso, assim como indicar a probabilidade de fratura e auxiliar no tratamento médico. Em Mato Grosso do Sul, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) indica a existência de aproximadamente 240 mil idosos e um exame particular custa em média R$265,00. É indicado que as mulheres iniciem o exame preventivo da doença na menopausa e os homens aos 60 anos.

Antenor Gardin, 85 anos, diz que vai se programar para cuidar da saúde. "Cuidar do bem mais precioso que temos e ainda economizar um dinheirinho, é comigo mesmo", brinca o aposentado.

O atendimento no Centro Radiológico começa neste sábado (01), a partir das 7h, com número limitado de senhas que serão distribuídas por ordem de chegada.


Serviço
O Centro Radiológico fica na Avenida Afonso Pena, nº 2843, no centro da cidade. Os idosos interessados podem obter mais informações pelo telefone 3318-0100.
Exames gratuitos ajudam combater a osteoporose no Mato Grosso do Sul Exames gratuitos ajudam combater a osteoporose no Mato Grosso do Sul Editado por saude.chakalat.net on 07:55 Nota: 5

Nenhum comentário:

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

Tecnologia do Blogger.