Curta e Siga


Artes marciais contra a Osteoporose





Você não recomendaria a idosos com osteoporose a prática de artes marciais, certo? Pode parecer algo sem lógica alguma, mas cientistas holandeses indicariam, sim. É que um estudo divulgado na publicação BMC Research Notes indica que dominar as quedas controladas do kung fu e do caratê, por exemplo, ajudaria a prevenir fraturas de quadril.

Os pesquisadores calcularam a força de impacto durante exercícios de queda em um grupo de voluntários jovens e saudáveis. Em seguida, compararam os resultados com as informações conhecidas sobre quanto os pacientes com osteoporose poderiam suportar.

Brenda Groen, da Universidade de Vrije, de Amsterdam, Holanda, disse ao jornal Daily Mail que a atividade seria segura para os idosos com ossos frágeis se usassem protetor de quadril, evitassem cair de frente e as quedas ocorressem sobre um colchão grosso. Ainda explicou que os primeiros testes não foram realizados em pessoas com osteoporose por razões obvias de segurança.

A especialista britânica Juliette Brown, da Sociedade Nacional de Osteoporose, afirmou que é muito cedo para os idosos tomarem aulas de artes marciais porque a pesquisa não avaliou o impacto diretamente nos pacientes. Portanto, mais investigações seriam necessárias antes de a prática ser recomendada.

Fonte: Terra

Já acessou o Blog Treinamento em Esportes hoje?





Dicas para Profissionais:
  • Curso Online de Atividade Física para Gestantes
  • Curso Online de Fisioterapia na Geriatria
  • Curso Prescrição do Exercício para Idosos baseado em Evidências Científicas
  • Curso Online Hidroginástica "Consciência e Movimento"

  • Nos Siga nas Redes Sociais: Twitter, Facebook, Instagram, Youtube . Adicione no grupo do Whatsapp

    Deixe seu comentário e nos marque(@Sua Saúde) pra gente ver:

    Nenhum comentário

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!